O mercado de San Camilo em Arequipa

O mercado de San Camilo é um dos maiores do sul do Peru. Nasceu após o terremoto de 1868, que destruiu a suntuosa igreja de San Camilo. Em 1938 foi inaugurado este centro de alimentação onde chegam centenas de arequipenses e turistas estrangeiros. O lugar é muito grande. Lá você encontra todos os tipos de produtos como mantimentos, artesanatos, sucos, comida de Arequipa e muito mais. Lá, também, os visitantes conhecerão mais sobre a cultura da cidade, seus costumes, suas roupas, sua música e muito mais.


Descrição

O mercado de San Camilo é o maior e mais famoso da cidade de Arequipa. Devido à sua localização próxima à praça principal, muitos turistas acorrem. O local foi inicialmente ocupado pela ordem religiosa de 'San Camilo de Lelis', que construiu o Convento da Boa Morte e a Igreja de San Camilo. Em 1869, devido a um terremoto, o templo foi destruído. Em seu lugar nasceu o mercado, inaugurado em 1938. No interior, além de todo tipo de produtos comestíveis, artesanatos e utensílios diversos, ainda se podem ver as esculturas de San Camilo, Señor del Perdón e San Pedro. O mercado é considerado Patrimônio Histórico Monumental da cidade. Hoje é uma das atrações turísticas mais famosas.

Localização

O mercado está localizado na Calle San Camilo, a cerca de 700 metros da praça principal em Arequipa.

Como chegar?

Da praça principal de Arequipa, a melhor forma de chegar ao mercado de San Camilo é a pé. Para isso, deve-se seguir pela rua Álvarez Thomas até a rua San Camilo, onde fica o mercado. O percurso a pé leva cerca de 10 minutos.

Mapa

História

A história do mercado começa durante a época colonial, que foram os precursores da 'Cruz Vermelha'. Em 1813 teve início a construção do 'Convento da Boa Morte e da Igreja de San Camilo de Lelis', que foi concluída em 1817. Segundo o estudioso Juan G. Valdivia, a igreja era a mais bela do Peru. Em 1868, a cidade de Arequipa sofreu um dos mais fortes terremotos de sua história. Até então, por mais de 40 anos, a ordem havia deixado o templo. A igreja servia como hospital militar (durante a guerra civil entre Salaverry e Santa Cruz) e como escola.

Em 1º de maio de 1938, foi inaugurada a atual estrutura do Mercado San Camilo. Foi um projeto exigido pela prefeitura. Até então, as feiras livres eram realizadas na praça principal. Em 1958 e 1960 a cidade sofreu dois terremotos que danificaram a fachada do mercado. A reconstrução foi realizada na década de 1980 para adquirir a forma moderna. Em 1987, o mercado foi declarado 'Patrimônio Histórico Monumental de Arequipa'. Também é considerada Patrimônio Cultural da Nação do Peru.

Cultura no mercado de San Camilo

O mercado de San Camilo é uma excelente oportunidade para aprender mais sobre a cultura de Arequipa e do Peru. A primeira coisa que chama a atenção é a gastronomia requintada onde se destacam pratos típicos como pimenta recheada, ceviche, lomo saltado, leitão, adobo e muito mais. Estes pratos, ao contrário dos restaurantes do centro da cidade, encontram-se a preços mais baixos.

No mercado de San Camilo também é possível aprender mais sobre os costumes dos peruanos: a música que ouvem, as roupas, a língua e muito mais. Por exemplo, em Arequipa ainda existem pessoas que falam quíchua (língua dos incas) ou aimará (língua do sertão).

Finalmente, o mercado de San Camilo oferece preços acessíveis para uma grande variedade de produtos. É uma boa alternativa para comprar alimentos, lanches, artesanato ou qualquer outro produto durante a viagem por Arequipa.

O que mais ver?

Procissão do Senhor do Perdão – Todos os sábados da paixão na Páscoa, a imagem do Senhor do Perdão é carregada numa liteira pelas ruas de Arequipa. Esta celebração religiosa é acompanhada por uma banda de música, pratos gastronómicos e muita alegria e fé por parte dos seus devotos. Após o passeio, a figura do santo retorna ao interior do mercado onde a música e a festa continuam.

Festa padroeira de San Camilo – A figura de San Camilo de Lelis deu o nome ao mercado. Todo dia 14 de julho, esta imagem é venerada com uma cerimônia religiosa acompanhada por uma banda marcial e apresentação de dança. Nesses dias, a escultura de San Camilo é retirada de sua vitrine no mercado para, após a festa, retornar ao seu lugar até o próximo ano.

Fotos

Mercado San Camilo - Arequipa
Mercado San Camilo - Arequipa
Mercado San Camilo - Arequipa
Veja mais fotos de viajantes

Mais informação

A arquitetura do mercado de San Camilo é moderna. Seu interior é coberto por um teto de ferro claro (semelhante ao mercado de San Pedro del Cusco). Por isso acredita-se que tenha sido obra do arquiteto francês Gustave Eiffel.

Durante algumas datas especiais, o mercado de San Camilo oferece alguns produtos típicos da região. Por exemplo, durante a Semana Santa, abundam os saborosos pães típicos da região, como: pão de trigo, pão de três pontas e muito mais.

Alguns conselhos

Mercados são locais onde, além de receber diversos produtos, você pode aprender mais sobre a cultura de Arequipa. Durante a sua visita à 'Cidade Branca', não perca a oportunidade de conhecê-los. Além do mercado de San Camilo, você pode visitar: o mercado de Antiquilla, o mercado de San Antonio, o mercado de O Palomar e muito mais.

A visita ao mercado de San Camilo é gratuita. Você pode ir em qualquer época do ano, das 6 da manhã às 7:30 da noite. Uma boa opção para tomar café ou almoçar por lá. Você pode experimentar alguns pratos peruanos famosos a um preço muito acessível (a partir de 8 soles peruanos).

Atracções turísticas perto de O mercado de San Camilo em Arequipa

O bairro de San Lázaro em Arequipa

San Lázaro é o bairro mais antigo de Arequipa. É famosa por suas ruas estreitas, casas de sillar, história e muito mais. Acredita-se que a cidade foi fundada lá.

O bairro de San Lázaro em Arequipa

O moinho de Sabandía

O moinho de Sabandia é uma construção colonial onde trigo e milho são moídos. Hoje, é considerado Patrimônio cultural do Peru e símbolo de Arequipa.

O moinho de Sabandía

O miradouro Yanahuara em Arequipa

O Miradouro de Yanahuara é um dos lugares mais fotografados de Arequipa. Foi construído no século XIX. Perto está a Igreja e Praça Yanahuara.

O miradouro Yanahuara em Arequipa