As 8 flores mais emblemáticas do Peru

O Peru é um país cheio de cores. Não só por sua geografia muito diversificada com praias, costas áridas, altas montanhas e imensas selvas amazônicas; mas pela sua grande diversidade de flora que inclui algumas das mais belas flores do planeta. Estima-se que existam 25 mil espécies de flora no país, dez por cento do mundo. As flores variam em tamanho, cores e aromas dependendo do piso altitudinal onde se encontram. Conheça aqui as mais belas flores do Peru.

As 8 flores mais emblemáticas do Peru
As 8 flores mais emblemáticas do Peru



Flor de Kantuta

Flor de Kantuta
Flor de Kantuta

A flor Kantuta (Cantua buxifolia) é uma espécie de arbusto pertencente à família das Polemoniaceae, cuja flor é reconhecida como a flor nacional do Peru. Também é chamada de ‘flor sagrada dos Incas’. É nativa da Cordilheira dos Andes, especialmente no Peru e na Bolívia. Seu cultivo remonta às culturas ancestrais de ambos os países, incluindo os Incas.

O arbusto cantuta mede entre dois a três metros de altura. Suas flores são tubulares, com cálice curto e cores intensas que podem ser brancas, vermelhas, rosas ou amarelas. É usado na medicina tradicional para tratar a diarreia e a inflamação. Também como corante e na confecção de cestos. Mas acima de tudo a flor é usada como decoração em casas e jardins.

  • Onde ver esta flor no Peru? Nas principais cidades andinas do Peru, como Cusco, Arequipa, Huancayo ou Ayacucho.
  • Mais informação: A flor kantuta também é considerada a flor nacional da Bolívia junto com a flor patujú.

Flor de vassoura

Flor de vassoura
Flor de vassoura

A vassoura (Spartium junceum) é um arbusto famoso no Peru pelo huayno ‘Flor de retama’, composto por Ricardo Dolorier de Ayacucho em 1970. Este arbusto tem uma altura entre 3 a 5 metros com folhas de 7 a 13 centímetros que lindas germinam flores amarelas que são reconhecidas como um símbolo do Peru, especialmente nas cidades dos Andes.

A vassoura tem propriedades curativas. Nos povoados andinos é usado principalmente como repelente contra insetos que danificam as plantações. Esta planta habita geografias chuvosas ou com elevada humidade. É possível encontrá-lo não só no Peru, mas também do México à Bolívia. Também pode ser usado para decorar casas e jardins.

  • Onde ver esta flor no Peru? Nas principais cidades andinas e amazônicas, como as cidades de Iquitos, Amazonas, Huancayo ou Cusco.
  • Mais informação: O huayno ‘Flor de retama’ foi composto em resposta à repressão policial que deixou vinte mortos na cidade de Huanta em 1969. Hoje a canção é utilizada em manifestações e protestos como sinônimo de reivindicação do povo peruano.

Flor de Amancaes

Flor de Amancaes
Flor de Amancaes

A flor de Amancaes (Ismene Amancaes) é uma espécie de planta bulbosa nativa do Peru. Deve o seu nome ao facto de um dos seus habitats ser as Lomas de Amancaes na cidade de Lima, o que a tornou um símbolo da ‘Cidade dos Reis’. Destaca-se por florescer no inverno, nas encostas úmidas das serras que compreendem parte dos distritos de Rímac, Independencia e San Juan de Lurigancho.

A flor de Amancaes floresce apenas no inverno (de maio a agosto), quando as colinas de Lima ficam verdes. No resto do ano as colinas são áridas, o que atrai os negociantes de terras. Isso, por sua vez, é uma ameaça à flor de Amancaes. Possui coloração amarelo intenso, com folhas esverdeadas. Esta flor também pode ser vista em outras partes da cidade de Lima, como Pachacamac ou nas colinas turísticas de Lachay.

  • Onde ver esta flor no Peru? Nos parques ecológicos da cidade de Lima, como as colinas de Amancaes, as colinas de Pachacamac ou as colinas de Lachay.
  • Mais informação: A flor de Amancaes é um símbolo da cidade de Lima. A famosa compositora lima Chabuca Granda menciona esta bela flor em sua valsa ‘José Antonio’: José Antonio vem / cavalgando por um caminho, / vem do barranco / para ver a flor de Amancaes (…).

Flor de la Papa

Flor de la Papa
Flor de la Papa

A batata (Solanum tuberosum) é um tubérculo mundialmente conhecido por fazer parte da alimentação de milhões de famílias no mundo. É cultivada em todos os lugares, mas sua maior diversidade está no Peru. Sua flor é muito conhecida nos povoados andinos onde é cultivada. Estes medem de 3 a 4 centímetros. Possuem pétalas unidas pelas pontas a uma corola em forma de estrela. Suas cores podem ser branco ou roxo.

A flor da batata é um símbolo dos povos andinos que cultivam este produto. Ali costuma florescer entre janeiro e abril, enchendo as fazendas e campos de uma cor marcante. O Peru tem mais de quatro mil variedades de batatas, a maior do mundo. A flor também é usada ornamentalmente em residências e até em chapéus.

  • Onde ver esta flor no Peru? Em todas as cidades andinas do Peru onde se cultivam batatas.
  • Mais informação: O renomado compositor peruano Luis Abanto Morales criou a música ‘La flor de papa’ em homenagem a esta bela flor.

Flor de Mashua

Flor de Mashua
Flor de Mashua

O mashua (Tropaeolum tuberosum) também chamado de mashwa ou añu é uma planta herbácea cultivada na Cordilheira dos Andes do Peru, Bolívia, Equador e Colômbia, entre 3.500 e 4.100 metros acima do nível do mar. Tem caule ereto, folhagem compacta, folhas verdes e tubérculos alongados. Suas flores são cilíndricas com cores que variam do amarelo escuro, laranja ou vermelho escarlate.

O mashua tem uma raiz semelhante ao olluco. Sua flor é comestível até em saladas. Possui propriedades nutricionais importantes, principalmente proteínas, carboidratos, caroteno e vitamina C. Seu consumo pode ajudar a combater o câncer de próstata. Acredita-se, segundo as crônicas, que inibe a atividade sexual dos homens. Mesmo que o Inca deu este tubérculo para suas tropas para um melhor desempenho na guerra.

  • Onde ver esta flor no Peru? Nas regiões andinas de mais de 3 mil metros acima do nível do mar, como as cidades de Cusco, Ayacucho, Huancavelica, Junín ou Pasco.
  • Mais informação: Mashua tem um sabor intenso e forte devido à sua concentração de glucosinolatos. Pode ser comido cru ou cozido.

A orquídea

A orquídea
A orquídea

As orquídeas (Orchidaceae) são um grupo de plantas altamente adaptáveis no mundo. No Peru, país com uma geografia megadiversa, existem mais de 2.700 espécies de orquídeas (existem cerca de 30.000 no mundo). Estes têm um alto valor ornamental. Sua principal característica são suas flores de várias cores e tonalidades, além de seu formato triangular e simétrico.

As orquídeas florescem em diversas geografias, de 100 a 4.600 metros acima do nível do mar. Um dos pontos com maior diversidade é o Santuário Histórico de Machu Picchu. Ali, há espécies marcantes como a Masdevallia veitchiana, conhecida como ‘Waqanki’ (lágrimas). Outras espécies também se destacam, como o Wiñayhuayna, a dançarina, o Pleurothallis e muito mais.

  • Onde ver esta flor no Peru? Em várias geografias e latitudes (de 100 msnm a 4.600 msnm), incluindo o Santuário Histórico de Machu Picchu.
  • Mais informação: A lenda ‘Waqanki’ (você vai chorar) é sobre uma lenda em que uma princesa inca estava apaixonada por um jovem guerreiro inca. Por causa da recusa do Inca em aceitar, a princesa foge para a floresta. Então os deuses decidiram transformá-la em uma flor chamando-a de ‘Waqanki’.

O lírio

O lírio
O lírio

O lírio (Alstroemeria aurantiaca) é reconhecido por sua bela flor em forma de trombeta, que se adapta a regiões com altas temperaturas. Esta planta pode atingir 80 centímetros de altura. Possui folhas lanceoladas. Suas flores podem ser laranja ou amarelas. Eles são nativos dos Andes do Peru e do Chile. Eles são usados principalmente na decoração de casas.

O lírio floresce com temperaturas que variam de 18ºC. até 22ºC. No entanto, também podem florescer em casas com temperaturas diurnas de 10ºC. O lírio branco também é chamado de ‘Flor do Pássaro do Paraíso’. Aquele com a cor laranja é chamado de ‘Lírio dos Incas’. Isso se deve a uma lenda inca que conta como a flor ajudou a salvar a vida de um jovem nobre inca.

  • Onde ver esta flor no Peru? Em várias geografias do Peru e Chile variando de 10ºC. até 22ºC.
  • Mais informação: Diz a lenda que Quintral, um jovem nobre inca, ficou gravemente doente devido a uma epidemia. A bela jovem Amancay procurou ajudá-lo através de uma feiticeira que lhe disse para conseguir uma linda flor amarela. A flor era guardada por um condor que tomou seu coração e lhe deu a flor. Enquanto o condor voava, o sangue de Amancay banhava os vales onde germinavam os lírios amarelos de tons vermelhos.

La achira

La achira
La achira

A achira ornamental (Canna indica) é uma planta nativa da América do Sul, que floresce na costa e nas terras altas do Peru de 0 a 2.900 metros acima do nível do mar. Seu nome vem do quíchua ‘Achuy’ que significa ‘espirrar’. Seu cultivo remonta a 4.500 anos atrás. É usado como alimento, bem como na decoração de casas.

A achira tem folhas grandes e verdes com 30 a 60 centímetros de comprimento. Suas flores são pequenas, de até 1 centímetro, com outros cachos laterais de cor amarela, branca com tons avermelhados. Floresce em temperaturas que variam de 14ºC. até 27ºC, especialmente em climas tropicais montanhosos. Muitas famílias na Europa a utilizam como planta ornamental.

  • Onde ver esta flor no Peru? Em regiões montanhosas tropicais como as cidades de Tingo María, Huánuco, Tarapoto ou Machu Picchu.
  • Mais informação: A achira também é utilizada como alimento em saladas. A cultura Chibchas da Colômbia o usava em sua dieta. Também é utilizado no preparo de pães, biscoitos e muito mais.

 

Por Machupicchu Terra – Ultima atualização, maio 26, 2023


Mais guias que podem te ajudar

8 cidades turísticas mais frias do Peru

O Peru é um país com diversas regiões que incluem costas áridas e quentes, altas montanhas da Cordilheira dos Andes e uma imensa Amazônia verde com clima tropical. Nos Andes existem vários atrativos turísticos como a cidade de Cusco, Huaraz (a Cordilheira Branca), Puno (Lago Titicaca), Arequipa (o Cânion do Colca) e muitos outros destinos com temperaturas que podem cair até menos de zero graus Celsius. . Conheça as 8 cidades turísticas mais frias do território peruano.

8 cidades turísticas mais frias do Peru

Cusco – História

Cusco é uma região rica em história. Desde os tempos pré-incas até o presente, vários séculos gloriosos se passaram. Como testemunhos do que aconteceu hoje, você pode ver as fortíssimas muralhas incas e os majestosos templos coloniais. Por isso, o centro histórico de Cusco é considerado Patrimônio Cultural da Humanidade, segundo a UNESCO.

Cusco – História