Calendário dos festivais mais importantes do Peru

O Peru é uma terra cheia de cultura e tradições. Estas se manifestam em toda a sua magnitude nas festividades. Danças, música e uma deliciosa gastronomia são as atividades que mais chamam a atenção nessas comemorações. A maioria tem formação religiosa. Eles nasceram há muitos anos, ainda no mesmo período de vice-reinado. Quando eles são realizados? Como eles se desenvolvem? Quais são? Saiba mais sobre as principais festividades do Peru.

Señor de los Milagros
Procissão do Señor de los Milagros


Ano novo

O Ano Novo é uma celebração que ocorre em quase todos os países do mundo. No Peru possui características próprias que, por sua vez, variam de acordo com a região. Os elementos presentes em quase todo o território peruano são: a deliciosa gastronomia feita de peru e leitão assim como a alegria, as roupas amarelas para boa sorte e as cabalas.

O leitão costuma ser consumido nas regiões andinas. No litoral, o peru é o prato principal da noite. Doze uvas são consumidas em todo o país à meia-noite de 31 de dezembro. Cada um representa boa sorte para os doze meses do próximo ano. As celebrações com música e dança estão presentes em todos os locais.


Festa da Virgem da Calendária

Festival da Candelária
Dança no festival da Virgen de la Candelaria

O festival em homenagem à Virgen de la Candelaria é celebrado em várias cidades do Peru. Porém, é na cidade de Puno que se manifesta com mais raízes e alegria. Lá, as tradições cristãs foram misturadas com a visão de mundo dos povos Aymara. O resultado é uma grande celebração com centenas de grupos de dançarinos vestindo trajes impressionantes.

Estima-se que 40.000 dançarinos e 200 bandas musicais participem da festa. A competição de dança acontece no dia 2 de fevereiro, no estádio Enrique Torres Belón, em Puno. Em seguida, as comemorações se espalharam pela cidade. Este festival também é celebrado em Arequipa, Lima, Ayacucho e muito mais. Em 2014 esta comemoração foi inscrita na lista representativa do Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade.


Carnavais no Peru

Carnavais Perú
Festa de Carnaval

Os carnavais estão presentes em vários países da América do Sul. No Peru, eles são caracterizados por jogos com água, pó de talco, picapica, bem como danças, música e alegria geral. As regiões do Peru onde se realizam os melhores carnavais são: Puno, Cusco, Ayacucho, Arequipa, Catacaos e, sobretudo, Cajamarca.

Os carnavais de Cajamarca são caracterizados por cores, danças, música e alegria geral. Toda a população local, bem como visitantes de outras cidades, inclusive do exterior, participam do desfile. As danças mais conhecidas são: o Cilulo, a Carolina, o Cumbe cumbe e a Matarina. Em cidades andinas por todo o Peru, as pessoas dançam ao redor da unsha ou árvore cheia de presentes. É o feriado mais alegre do Peru.


Semana Santa

A Semana Santa é uma das festas religiosas mais importantes do Peru. É comemorado em todo o território, em cada cidade e distrito do país. A Quinta-feira Santa e a Sexta-feira Santa são consideradas feriados. Os aldeões vão às igrejas. Há procissões, representações da Paixão de Cristo e feiras gastronômicas locais. As cidades do Peru onde esta data é comemorada com mais fervor são: Cusco, Arequipa, Lima, Ayacucho e Omate (Moquegua).

A Semana Santa em Cusco é caracterizada pela procissão do Senhor dos Terremotos na Segunda-feira Santa. Em Lima, a representação característica da Paixão de Cristo acontece no Cerro San Cristóbal. Em Omate existe também uma representação massiva da Via Crucis, bem como a construção das ‘7 posas’ e a procissão do ‘Santo Sepulcro’. A tradicional Páscoa desta cidade é reconhecida como Patrimônio Cultural da Nação.


Festa da Virgem de Chapi

A Virgem de Chapi é reconhecida como a padroeira de Arequipa. Todos os anos, milhares de devotos fazem uma peregrinação ao seu santuário localizado na cidade de Polobaya, a 60 quilômetros da a cidade de Arequipa, também chamada de ‘Ciudad blanca’. A história relata que no século XVII ocorreu um forte terremoto que levou o povo de Accahua a transferir a imagem desta santa para o seu atual santuário no chamado ‘Valle de Chapi’. Lá nasceu a fé na invocação da ‘Virgen de la Candelaria de Chapi’.

Em 1876, foi estabelecido que a celebração em homenagem a esta virgem seria todo 1º de maio. Atualmente a celebração conta com a presença de milhares de fiéis de Arequipa e de outras regiões do Peru. No dia central acontecem romarias, procissões, feiras gastronômicas e muito mais. Em 1985, o Papa João Paulo II coroou a imagem do santo. Em 2012 foi declarado Patrimônio Cultural da Nação.


Corpus Christi

Corpus Christi
Corpus Christi

Corpus Christi é uma celebração religiosa cristã estabelecida no Peru durante o início da colônia espanhola no século XVI. Acontece em diferentes regiões do país, especialmente em Cusco, onde acontece a famosa procissão dos quinze principais santos e virgens da cidade. Vários pesquisadores sugerem que o pano de fundo deste festival de Cusco tem suas origens na tradição inca de caminhar pelas múmias dos governantes.

O Corpus Christi de Cusco começa com a saída em procissão das quinze figuras religiosas de seus respectivos templos. O ponto de encontro é a Catedral de Cusco. Depois de oito dias, no ‘oitavo’, esses santos e virgens são levados em procissão para seus respectivos templos. Naquele dia, a Praça principal está cheia de gente. Naquele dia, o delicioso ‘Chiri Uchu’ é comido.


O Inti Raymi

Inti Raymi
Festa do Inti Raymi

O Inti Raymi é o ‘Festival do Sol’, um religioso celebração de origem Inca que é celebrada em Cusco . Acontece no solstício de inverno (24 de junho), quando o sol está mais próximo da terra. Os incas adoravam o sol nesta data por meio de cerimônias massivas no templo Coricancha.

Em 1944, o povo de Cusco decidiu recuperar seu passado Inca por meio de uma encenação semelhante à ‘Festa do sol’. Assim, hoje o Inti Raymi é uma gigantesca encenação com centenas de atores e atrizes que representam o Inca e sua comitiva em três cenários históricos: o Coricancha, a Praça principal e Sacsayhuaman. Este festival atrai milhares de turistas estrangeiros. Esse dia é declarado feriado em Cusco.


A festa de San Juan

A Fiesta de San Juan é a festa mais importante de toda a Amazônia peruana. Realiza-se nas regiões de Loreto, San Martín e Ucayali, onde San Juan Bautista é o principal mecenas. Hoje essa festa é comemorada em todas as cidades da Amazônia. As principais características são a cor, a deliciosa gastronomia local, a música, a dança e a alegria geral.

Em Iquitos, capital do departamento de Loreto, a festa caracteriza-se por um desfile com roupas típicas da região. Os shows musicais acontecem à noite. Em Pucallpa, capital de Ucayali, são realizados concursos de beleza e show pirotécnico. Em toda a Amazônia, o prato estrela é ‘Juane’. Centenas de turistas migram para as cidades na selva para esta data.


Fiestas Patrías

Desfile militar
Desfile militar no Perú

Em 28 de julho de 1821, o General Don José de San Martín proclamou a Independência do Peru na Praça principal de Lima. Desde então, todos os anos nesta data os peruanos celebram seus feriados nacionais. Por todo o lado, as casas de campo exibem a sua bandeira vermelha e branca. Desfiles patrióticos são realizados em cada praça principal com entidades públicas e privadas. Em cada região há shows de dança e, em certas regiões, shows musicais.

Os eventos protocolares mais importantes acontecem na cidade de Lima, capital do Peru. À noite acontecem festas com shows musicais e culturais. Esse dia é feriado nacional. No dia 29 de julho, ocorre um grande desfile militar com a presença das principais autoridades do país, incluindo o presidente.


Procissão em homenagem ao Señor de los Milagros em Lima

Señor Milagros
Procissão do Señor de los Milagros

A imagem do Señor de los Milagros representa a fé mais significativa do povo de Lima. A história conta que sua imagem foi pintada em 1651 por um escravo africano na cidade de Pachacamilla, ao sul da cidade. No terremoto de 1665, toda a construção desabou, exceto a parede onde esta imagem estava. O mesmo aconteceu com o terremoto de 1687. Em 1746 a população tomou esta imagem em procissão, procurando apaziguar as réplicas do terremoto de 1687. Desde então, é conhecida como ‘El Señor de los Temblores’.

Hoje o ‘Cristo Moreno’ (porque seus primeiros fiéis eram afrodescendentes) tem seu templo na Igreja das Nazarenas, no centro de Lima. Todos os dias 18, 19 e 28 de outubro, os moradores de Lima caminham em procissão até o Señor de los Milagros pelas ruas históricas da cidade. Seus fiéis mais devotados usam vestes roxas. Nessas datas, as pessoas gostam de experimentar o doce ‘nougat limeño’. Por toda a cidade existem réplicas da imagem que também saem em procissão.


Natal

O Natal no Peru tem muitos traços ocidentais, mas também peculiaridades de acordo com cada região. Por exemplo, em Cusco a Praça principal abre seu espaço para a venda de esculturas de santos e figuras bíblicas no famoso ‘Santurantikuy’. Na província de Cañete (sul de Lima) a festa inclui um show de pisadas infantis, uma tradição típica da cultura afro-descendente do Peru.

No dia 25 de dezembro, os peruanos costumam provar peru assado ou leitão, dependendo da região do país. Apesar do calor do litoral (verão em dezembro), costuma-se beber chocolate quente, panetones e doces. À noite, geralmente é comemorado com fogos de artifício. Antes da meia-noite do Natal, a ‘missa do galo’ é celebrada. Presentes e unidade familiar são as principais características.

 

Por Machupicchu Terra – Ultima atualização, setembro 15, 2021


Mais guias que podem te ajudar

Qual é o preço dos ingressos para Machu Picchu?

Os ingressos para Machu Picchu podem ser comprados online. Existe um site oficial e várias páginas de agências de turismo autorizadas. Se você decidir viajar sem um tour, você deve comprar suas passagens e viajar para ‘Mapi’ por conta própria. Na porta, eles vão pedir o seu ingresso no horário que você escolheu. Existem duas entradas adicionais que permitem visitar Huayna Picchu e a Montanha Machupicchu. O preço varia de acordo com o tipo de ingresso que você escolheu. Há descontos para menores, estudantes universitários e cidadãos do Peru, Colômbia, Equador e Bolívia.

Qual é o preço dos ingressos para Machu Picchu?

Hotéis em Machu Picchu: toda a informação

Você está planejando viajar para Machu Picchu? Para um planejamento correto da viagem você deve organizar as passagens, passeios, transporte e outros detalhes como hospedagem. A oferta hoteleira perto da cidade Inca é alta, já que mais de 1,5 milhão de pessoas a visitam a cada ano. Existem serviços de 5, 4 estrelas e mais. Existe até um local de acampamento ideal para ‘mochileiros’. Saiba tudo sobre a oferta de hotel na viagem às maravilhas do mundo.

Hotéis em Machu Picchu: toda a informação